DETECÇÃO DE NEISSERIA GONORRHOEAE [NGPCR]

DETECÇÃO DE NEISSERIA GONORRHOEAE [NGPCR]

SKU: NGPCR
R$0,00Preço
A reação em cadeia da polimerase (PCR) é um método de alta especificidade e sensibilidade, que utiliza a amplificação do ácido nucleico bacteriano (DNA-alvo), permitindo sua detecção mesmo em pequenas concentrações. Os testes de biologia molecular tem uma sensibilidade semelhante a cultura.
Indicação: 
Avaliação de uretrites, cervicites, doença inflamatória pélvia e conjuntivite neonatal. 
Interpretação clínica: 
O resultado positivo sugere infecção pela n. gonorreae apesar de que resultados falso positivos podem ocorrer na presença de outras Neisserias sp.
Sugestão de leitura complementar:
Koumans EH, Johnson RE, Knapp JS, St Louis ME. Laboratory testing for Neisseria gonorrhoeae by recently introduced nonculture tests: a performance review with clinical and public health considerations Clin Infect Dis. 1998 Nov;27(5):1171-80. J Pediatr Adolesc Gynecol. 2004; 17(5):331-9.
Esgotado
  • Método

    Reação em cadeia da polimerase - tempo real
  • Prazo para o resultado*

    5 dia(s) útil(eis)
  • Instruções

    Realizado em URINA, ESPERMA, SECREÇÕES: endocervical, vaginal e uretral. *Em pacientes histerectomizadas, virgens e gestantes deve ser coletado o material URINA. COLETA DE URINA 1. Higienizar as mãos e região genital; 2. Coletar em frasco estéril (sem encostar) os primeiros 20 a 30 mL do jato de urina (a primeira parte do fluxo); 3. Transferir para o tubo falcon estéril, tampando bem o frasco; 4. Identificar com a etiqueta código de barras; 5. Armazenar e transportar a amostra sob refrigeração (sem contato direto com o gelo). * O paciente deve ter retenção de pelo menos, duas horas antes da coleta da amostra. COLETA DE ESPERMA 1. Higienizar as mãos e região genital; 2. Orientar a coleta através do processo de masturbação; 3. Coletar em frasco estéril, aproximando o frasco do orifício uretral (não encostar); 4. Coletar